Os Paladares do Douro

Gastronomia e Vinhos

2015-03-04

os-paladares-do-douro
Terra de bom beber e bom comer, o Douro oferece aromas e degustações únicas. Com a sua extraordinária paisagem como pano de fundo, está completo o cenário perfeito. É a Natureza que dá às suas gentes e aos seus visitantes os prazeres que saem das cozinhas durienses. Sendo assim, deixar-lhe-ei algumas dicas das delícias que não pode deixar de provar no Douro...mas prepare-se, são bastantes!

Dos Pastos para as Mesas 

 

região do Douro para além de todos os seus outros atributos (história, a paisagem, os vinhos, as aguardentes, entre outros) tem uma gastronomia riquíssima. Pratos de comer e chorar por mais e, quando der por ela, já ganhou mais uns “quilinhos”. Mas quem conhece esta boa Gastronomia sabe que é praticamente impossível resistir.

 

A juntar à variedade, a grande vantagem da cozinha duriense está na utilização do gado da região e, fundamentalmente, no tempero. O Douro tem, atualmente, bastantes restaurantes dispersos por toda a região que oferecem comida tipicamente portuguesa ( e já deve ter ouvido dizer que não há comida como a portuguesa). E, felizmente, todos eles, recorrem a produtos da região, dos seus próprios cultivos ou de agricultores da zona. Assim, ajudam milhares de famílias que ainda aqui residem e dependem desta atividade.

 

Os paladares do Douro complementa a paisagem e história da Região

 

 

Prato Principal 

 

Passemos ao que realmente interessa: a refeição. Já com o menu na mão, pode optar entre peixe ou carne. Como já mencionei acima, para além dos sabores extraordinários que a região oferece, há também o fator variedade a seu favor.

 

Pessoalmente, podê-lo-ia ajudar na escolha da sua ementa. Contudo, a verdade é que o gado é da região, o que significa que é bem alimentado e que cresceu em plena Natureza, e o peixe é pescado no rio Douro e, por isso mesmo, é fresco. Deste modo, deixarei ao seu critério, na certeza porém de que o que escolher será bem servido e irá superar expectativas.

 

No que posso ajudar é dando-lhe a conhecer quais as verdadeiras especialidades de cada categoria para que desfrute do melhor da Gastronomia do Douro. Vejamos na carne as minhas sugestões: o cabrito assado em antigos fornos de lenha, javali estufado, posta à mirandesa e o cozido à portuguesa.


 

A diversidade gastronómica do Douro oferece-lhe a máxima qualidade com base em produtos da região.

 

 

Não deixando de parte os fabulosos enchidos da região e a bôla de Lamego, com aromas e paladares divinais que abrem qualquer apetite. Mas isso podemos deixar para o nosso lanche, aproveitando para o acompanhar com um espumante da região (isto vai soando cada vez melhor não lhe parece?)

 

Seguimos para as opções de peixes: poderá optar pelo típico bacalhau ou então pelos peixes pescados diretamente do rio Douro e seus afluentes para pratos como as trutas do Varosa, do Balsemão e do Vilar. Normalmente, o peixe típico do Douro é frito ou servido de escabeche (tendo repousado em vinagre).

 

 

A Doçaria Tradicional do Douro

 

Após um delicioso prato principal segue-se a tão desejada sobremesa. E não diga que não lhe apetece ou que não consegue mais! Vir ao Douro e não provar a sua doçaria é como ir ao Porto e não desfrutar de um Cruzeiro das Pontes (completamente imperdível e imperdoável!). 

 

Os doces regionais durienses são, na maioria das vezes, receitas que foram sobrevivendo de geração em geração para nós termos o prazer de as degustar algum dia. Eis as sugestões que despertam sentidos e enchem o olhar: os doces de amêndoa de São João da Pesqueira, as cavacas de Resende e o bolo-rei de Tabuaço.

 

Para além dos doces tem sempre a fruta plantada e colhida na região: Maçãs, pêras, laranjas, cerejas e muitas e saborosas castanhas dos soutos de Penedono.

 

E assim terminamos o nosso roteiro apetitoso pelo Douro, que o aconselhamos religiosamente a vivenciar. E como não poderia deixar de ser, a par de uma gastronomia riquíssima, é imperativo acompanhar com um bom vinho da região, visto que estes vinhos são um dos ex-líbris.


Não deixe de visitar esta região magnífica e fique a conhecer mais um dos seus pontos fortes: a gastronomia!

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao visitar o site está a consentir a sua utilização.
Conheça as nossas Políticas de Privacidade e Cookies aqui